Há algumas semanas hackers derrubaram parte da internet criando um enorme fluxo de tráfego que sobrecarregou os servidores da empresa Dyn, que controla componentes-chave da internet, afetando centenas de sites, num dos mais graves ataques dos últimos tempos e atingindo uma grande parte da internet mundial.

Neste caso os hackers assumiram o controle de uma série de dispositivos que agora dispoem de tecnologia IP (IoT) utilizando-os como força de ataques de forma distribuida e massiva no sentido de causar prejuizos entidades publicas e privadas

A força do ataque DDoS incluiu cerca de 100.000 dispositivos, como câmeras e DVRs escravizados da botnet Mirai, bem como um número desconhecido de outros dispositivos que são partes de outras botnets. O que demontra uma imensa fragilidade na Internet das Coisas.

Grandes ataques das botnets da Internet das Coisas ao longo do mês setembro, indicam que devemos esperar mais ataques semelhantes.

Atualmente já estão conectados cerca de 4 bilhões de dispositivos como: Lâmpadas, TVs, eletrodomésticos, dispositivos médicos, veículos via 3G/4G, aviões via sistemas de entretenimento. Estimativas indicam que entre 20 e 50 bilhões de “coisas” estarão on-line em todo o mundo até 2020.

Mais conexões, mais vulnerabilidades. Esta insegurança é algo inexorável?

Venha debater novos conceitos e novas tendências em segurança da informação.

 

____

RICARDO THEIL

Perito em:

  • Segurança e Defesa Cibernética;
  • Fraudes e Crimes praticados na Internet;
  • Certificação Digital e Criptografia.
  • ASSESPRO-SP – Diretor do Conselho Administrativo

Membro e Colaborador da Rede Nacional em Segurança da Informação e Criptografia (RENASIC)

Membro e Colaborador da Comunidade de Segurança da Informação e Criptografia (ComSic)

Membro e Colaborador FÓRUM DE IoT

Membro do Comitê it-sa 2016 Brasil The IT Security Conference and Corporate Networking

Consultor Nomeado da Comissão de Ciência e Tecnologia da OABSP;

Fundador e Membro do Capitulo da ISOC-Brasil (Internet Society Brasil)

ITS (Instituto de Tecnologia Software – São Paulo) – Cibersegurança

Membro do Grupo de Estudos de Justiça e Direito Eletrônicos – GEDEL;

Palestrante convidado da OEA-CICTE (Comitê Interamericano Contra o Terrorismo); ITA-CTA; INSPER-SP, FASP (MBA-TI), ABDI, ABECS, AASP, ESA-SP (Escola Superior de Advocacia da OABSP), OABSP, it-sa 2016 Brasil The IT Security Conference and Corporate Networking, etc.