Temática será desenvolvida em congresso, em setembro, na capital paulista

 

Nos dias 1 e 2 de setembro, São Paulo sedia a primeira edição do Congresso Brasileiro e Latino-Americano de Internet das Coisas, organizado pelo Fórum Brasileiro de Internet das Coisas (IoT, na sigla em inglês de Internet of Things).

Entre os temas a serem desenvolvidos no evento, está a importância da infraestrutura de software para viabilizar IoT, colocado sob a responsabilidade de Huéliquis R. Fernandes, gerente de Operações e Marketing da Renesas Electronics Brasil.

“A Era da IoT impõe novos desafios e novas barreiras para as empresas que pretendem penetrar neste vasto mercado. A abordagem tradicional de ‘fazer tudo em casa’, usada na maioria dos produtos feitos no Brasil, pode não ser suficiente para garantir a sobrevivência neste cenário”, explica Fernandes ao falar sobre o tema que desenvolverá no congresso. Para ele, a complexidade dos produtos para IoT “requer uma infraestrutura de software que não é encontrada facilmente nos repositórios de código aberto, e o desenvolvimento dos mesmos implica dispender grandes somas de tempo e/ou dinheiro para desenvolver, otimizar e integrar os diversos elementos que o mais básico dos produtos IoT precisam ter: conectividade, armazenamento de dados e criptografia”.

Quais são as escolhas disponíveis? Quais são os riscos e as implicações de cada uma delas? Essas duas questões, comenta Fernandes, que resumem a reflexão e sinalizam os desafios do crescimento do uso de aplicações IoT.

“As empresas têm de sofisticar seus produtos drasticamente, mas pouquíssimas delas têm o know-how ou a expertise em casa para fazer isso. Mesmo contratando profissionais altamente qualificados, estima-se que o tempo para implementar a infraestrutura de software (drivers, middleware, integração com RTOS, otimização e verificação), fundamental para o desenvolvimento confiável de produtos para IoT, levaria por volta de 18 a 36 meses. Mesmo usando código aberto e fazendo ‘apenas’ a integração, otimização e verificação em casa, ainda colocaria as empresas no limite inferior daquele prazo, isso considerando as hipóteses mais otimistas”, estima o gerente da Renesas, ao fazer um alerta: “neste novo e dinâmico mercado que é a IoT, levar mais do que nove meses para colocar um produto no mercado pode colocar a sobrevivência da empresa em sérios riscos”.

Está aí um dilema importante, que será desenvolvido pelo executivo em sua palestra no congresso e tem como alternativa para seu equacionamento a aquisição de “módulos de software comercial/profissional, que poderiam eliminar ou diminuir drasticamente as etapas de integração e otimização. Mas os custos desses módulos estão além do alcance de muitas empresas, ou no mínimo implicam em um investimento de risco médio/alto, já que a empresa tem que investir um valor significativo, sem sequer saber se o produto vingará”.

A palestra de Huéliquis R. Fernandes está inserida na sessão “As bases da IoT par sustentar a inovação e o futuro”, que acontece no dia 2 de setembro, pela manhã.

 

O congresso

Com a finalidade de mostrar a importância da IoT para a sociedade em geral, apresentar as mais recentes tecnologias mundiais e contribuir para a consolidação da participação do Brasil no cenário da IoT, despertando na sociedade em geral a consciência da importância da IoT, o Fórum Brasileiro de IoT realiza nos dias 1 e 2 de setembro de 2016, em São Paulo, o 1Congresso Brasileiro e Latino-Americano de Internet das Coisas, um programa de seminários que reunirá especialistas e pesquisadores nacionais e internacionais.

Com o tema central “Smart World – IoT como base de um mundo melhor”, especialistas nacionais e Internacionais, acadêmicos, empresários, empreendedores, políticos e representantes de instituições públicas e privadas de pesquisa e fomento se encontrarão durante dois dias para discussão das principais tendências em IoT.

O programa completo pode ser consultado em iotbrasil.org.br/confira-a-programacao-i-congresso-brasileiro-e-latino-americano-de-iot/.

 

 

Serviço

  • 1Congresso Brasileiro e Latino-Americano de Internet das Coisas
  • Data: 01 e 02 de setembro
  • Horário: 9h às 18h
  • Local: Centro de Convenções Frei Caneca
  • Endereço: Rua Frei Caneca, 569 – Consolação – São Paulo/SP
  • Inscrições devem ser previamente feitas no site www.iotbrasil.org.br